EMAE aprova Usina fotovoltaica flutuante da Sunlution – KWP em parceira com BYD

Publicado em 07.10.2020 | Por Noticias BYD Imprensa

A BYD em parceria com a Sunlution – KWP, pioneira na instalação de painéis sobre flutuadores (Hydrelio® – Ciel et Terre) para uso em espelhos d’água, realizou um projeto piloto para EMAE (Empresa Metropolitana de Águas e Energia) na represa Billings na Região Metropolitana de São Paulo. O projeto piloto foi desenvolvido a partir de uma chamada pública em que a BYD doou 300 módulos fotovoltaicos modelo P6K Policristalino, produzidos na fábrica de Campinas. Diante do sucesso da Usina flutuante, a EMAE planeja agora dar continuidade neste projeto de novas usinas flutuantes de energia solar voltadas para comercialização de energia em larga escala.

A Represa Billings é um dos maiores e mais importantes reservatórios de água da Região Metropolitana de São Paulo, em uma área de 10.700 hectares de lâmina d’água.

A doação dos 300 painéis foi uma aposta da BYD em pesquisa e desenvolvimento. “Quando tomamos conhecimento da proposta da usina flutuante na represa Billings decidimos investir e contribuir com este projeto piloto, apostando no fomento de tecnologias pioneiras e inovadoras no território nacional”, explicou Nelson Lin, vice-presidente da BYD Brasil.

Esta é a primeira usina fotovoltaica flutuante utilizando módulos fabricados no Brasil pela BYD.Na China a empresa já tem projetos de 356MW neste formato. Estes produtos são perfeitamente adaptados ao uso sobre lâminas d’água, inclusive em ambiente salino.

O sócio-presidente da Sunlution – KWP, Luiz Piauhylino Filho, destaca as vantagens da montagem de usinas fotovoltaicas flutuantes 100% brasileiras. “Além de ter uma montagem ágil e rápida, a performance das usinas solares flutuantes chega a ser em média 14% mais eficiente do que as fazendas solares sobre solos, graças ao resfriamento dos painéis instalados sobre a água”.

No Brasil, as usinas fotovoltaicas flutuantes ainda são pouco conhecidas, com destaque para os projetos da hidroelétrica de Sobradinho, na Bahia e a fazenda de Cristalina, em Goiás, realizados com a participação da Sunlution. No entanto, a tecnologia sobre água já foi difundida em países como Japão, China e Cingapura.

EMAE abre chamada pública para atrair novos investidores

Ontem, 6 de outubro, o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Empresa Metropolitana de Águas e Energia (EMAE), abriu chamada pública para a escolha de empresas interessadas em instalar usinas fotovoltaicas flutuantes no reservatório Billings, na capital paulista. As propostas apresentadas de plantas de geração com potência variam entre 1 megawatt-pico e 30 megawatt-pico em quatro locais pré-estabelecidos na Billings.